Uma das grandes preocupações dos pacientes na hora de considerar um tratamento para obesidade é o momento de recuperação do procedimento.

Embora tenham graus de risco diferentes, posso garantir que os três tratamentos com que eu trabalho - Balão Intragástrico, Gastroplastia Endoscópica e Cirurgia Bariátrica - são, sem sombra de dúvidas, seguros.

No blog desta semana, eu reuni algumas informações sobre os diferentes estágios e cuidados após cada tipo de procedimento. Confira!


Balão Intragástrico


O que acontece depois que o paciente coloca o Balão Intragástrico?

A etapa mais importante para o paciente alcançar suas metas de emagrecimento durante o uso do balão é o acompanhamento nutricional após o procedimento. A alimentação é a chave para o sucesso do tratamento. Por isso, é fundamental que um profissional da nutrição desenvolva uma dieta que se adeque ao momento de vida do paciente.

As primeiras semanas, logo após o procedimento, exigem um cuidado especial. O estômago do paciente ainda estará se adaptando ao balão, e é imprescindível que a dieta acompanhe esse processo.

Normalmente, a dieta no pós-procedimento é dividida em quatro etapas:

1ª Etapa: o paciente deve ingerir apenas líquidos, como água, chás, caldos e sucos coados, leite desnatado, isotônicos e água de coco, por exemplo.

2ª Etapa: a partir deste estágio, outros tipos de alimentos podem ser adicionados ao cardápio, desde que estejam em estado pastoso. Assim, vitaminas, iogurtes, cremes e alimentos batidos no liquidificador já podem ser ingeridos.

3ª Etapa: este momento do tratamento já permite uma dieta leve. Ou seja, sopas em consistência normal, peixes, alimentos cozidos, saladas leves, pequenos lanches naturais já podem ser reintroduzidos à alimentação do paciente.

4ª Etapa: na etapa final do uso do Balão Intragástrico, o organismo já deve estar plenamente adaptado. Assim, a alimentação comum pode ser retomada, mas sem esquecer dos objetivos de perda de peso.


Gastroplastia Endoscópica


A redução de estômago por endoscopia, também conhecida como Gastroplastia Endoscópica, é uma nova técnica no tratamento da obesidade. Por meio de uma endoscopia, é realizada a redução da capacidade do estômago pela sutura de suas paredes internas.

Embora a Gastroplastia Endoscópica seja um procedimento de baixo risco, é importante que todas as recomendações médicas sejam seguidas à risca para garantir o sucesso da operação e para evitar problemas na cicatrização.

Aqui estão alguns cuidados pós-procedimento:

  • Faça repouso por 3 dias após o procedimento, evitando qualquer atividade no período.
  • Faça o uso correto das medicações indicadas pelo médico, elas servem para proteger o estômago, evitar infecções, dor e vômitos.
  • Siga uma dieta bastante restritiva, iniciando em alimentos líquidos e evoluindo para cremosos, pastosos. Os sólidos só são recomendados após o período de seis semanas e somente com orientação do médico e de um nutricionista.
  • Faça também o acompanhamento correto com nutricionistas durante toda a recuperação e por pelo menos mais um ano e se necessário também deverá ser seguido o acompanhamento com psicólogo e endocrinologista.


Seguindo todos os cuidados, as chances de uma excelente recuperação são ainda maiores.


Cirurgia Bariátrica


Como é a recuperação de uma Cirurgia Bariátrica?

Muitos pacientes se preocupam com os riscos e o período de recuperação da cirurgia. Afinal, nossa ideia de cirurgia médica ainda está muito associada a procedimentos perigosos e com alto tempo de internação.

Mas pode ficar calmo! Cada vez mais a Cirurgia Bariátrica tem um pós-operatório muito tranquilo para o paciente. Durante a recuperação, a pessoa sente pouca dor e há baixo risco de desenvolver algum sintoma grave.

O tempo de internação gira em torno de 24h a 48h. O paciente retorna para suas atividades do dia a dia entre 10 a 15 dias após a operação. E nesse retorno, ele já tem uma mobilidade excelente.

Quanto à internação, o paciente que opera de manhã, já pode tomar líquidos pela tarde e até caminhar pelo hospital.

Então, para quem tem esse receio: a Cirurgia Bariátrica não é o tipo de procedimento que restringe demais o paciente no pós-operatório. A cirurgia é um investimento na sua saúde e na sua qualidade de vida.


Se você se interessou pelo tratamento ou ficou com alguma dúvida, entre em contato comigo: contato@drdallegrave.com.br